Fotos: Corpos dos Mortos da Chacina do Casal de Policiais em Brasilandia – SP

1376055579057 chacina2 Fotos: Corpos dos Mortos da Chacina do Casal de Policiais em Brasilandia   SPChacina: Laudo preliminar aponta que família foi dopada. Garoto fez buscas
 
Um laudo preliminar do IC (Instituto de Criminalística) indica que quatro pessoas mortas — pai, mãe, avó e tia-avó —em uma chacina na Brasilândia, na zona norte de São Paulo, estariam dopadas. A informação foi passada por fontes da TV Record. Além dessas vítimas, o filho do casal de 13 anos também morreu. A polícia afirma que o garoto é o principal suspeito do crime.
Uma análise feita pelo IC no computador que estava na casa das vítimas também indica que, dias antes do crime, alguém pesquisou como dopar pessoas e como conseguir um sono profundo.
A polícia mantém a tese de que o menino de 13 anos foi o autor dos quatro assassinatos. No entanto, uma vizinha deu uma entrevista exclusiva à Record e disse ter visto duas pessoas, uma delas com a farda da Polícia Militar, pularem o muro da casa por volta do meio-dia da última segunda-feira (5), data em que os corpos foram encontrados.
A polícia ouviu até agora o depoimento de 15 pessoas. Entre elas, o de um colega de escola do adolescente Marcelo chamou atenção. Ele disse à polícia que ouviu do filhos dos PMs que “hoje é meu último dia na escola, amanhã não venho mais”. Ele teria ouvido isso por vários dias.
 Fotos: Corpos dos Mortos da Chacina do Casal de Policiais em Brasilandia   SP
Durantes as investigações, um outro fato também causou desconforto na cúpula da segurança pública de São Paulo. Foram as declarações dadas pelo comandante do batalhão no qual o cabo Andreia trabalhava durante um programa de rádio da capital. O coronel Wagner Dimas disse que a policial investigava colegas supostamente envolvidos em roubos de caixas eletrônicos.
— Ela não fez expressivamente assim, esse, esse e esse tão com problemas. Mas, ao contexto do que nos estávamos levantando, ela confirmou alguns detalhes. O envolvimento de alguns policiais com o roubo de caixas eletrônicos. Confirmou também que não acreditava na versão da polícia de que tenha sido Marcelo o autor dos assassinatos.
 Fotos: Corpos dos Mortos da Chacina do Casal de Policiais em Brasilandia   SP
Mas o coronel voltou atrás. No depoimento que prestou à Corregedoria da PM, ele negou que o cabo Andreia tivesse investigado colegas de batalhão.
— Não existe qualquer denúncia formalizada sobre os fatos de policiais militares envolvidos com roubos a caixas eletrônicos, e tão pouco a graduada fez qualquer denúncia a respeito.
O secretário de Segurança Pública de São Paulo, Fernando Grella, se irritou com as declarações do coronel Dimas.
— Ele vai ter que explicar isto porque não existe nenhuma denúncia formal na corregedoria e nem pro comando e nem na unidade.
O cabo Andreia Pesseghini, 36, foi encontrada morta na última segunda-feira, na Brasilândia, zona norte de São Paulo, junto aos corpos do marido, o sargento da Rota Luis Marcelo Pesseghini, 40, e do filho, Marcelo Pesseghini, 13, apontado pela polícia como autor das mortes. Ele teria se matado após cometer os crimes. Além deles, outras duas pessoas foram encontradas mortas em uma casa no mesmo quintal: a avó e a tia-avó do menino.
R7/Brasil Notícias

8 Comentários para: “Fotos: Corpos dos Mortos da Chacina do Casal de Policiais em Brasilandia – SP

  1. Isso nao passa de uma armaçao muito bem elaborada, com certeza usaram luvas deioxaram o local perfeito, para o menino ser o criminoso puseram a arma na mao, dele, pois morto nao fala e assim o Marcelinho e que vai ser o vilao dessa tragedia, que deus tenha piedade dessas pessoas, meus pesames aos familiares, nao sou nada mas isso e queima de arquivo

    • É muito estranho, se alguém matou os pais dele e tudo aconteceu as 00;00 como diz a policia , pq deixaram ele vivo para ir até a escola, pq ele só veio a orbito por volta do meio dia da segunda, é tudo muito estranho.

  2. É triste mas infelizmente no mundo em que vivemos tudo é possível,não me surpreenderia se tiver sido o Marcelinho,pois ele não será o único nem o ultimo,já tiveram outros casos, como por exemplo a Suzane Christopher, e muitos outros, vivemos em um mundo onde as pessoas independentemente de idade, não tem mas amor ao próximo,muita maldade no coração das pessoas,

  3. é obvio que isso foi armado gente, casal de policial morto pelo filho de 13 anos. nada a ver isso, foi um crime muito bem planejado, ta na cara, e uma criança indefesa e já morta não pode se defender.

  4. isso foi uma coisa bem armada para incriminar o Marcelo mas nao engolimos essa historinha que estao contando nao somos idiotas morto nao pode se defender!!!!!!!!!!!!!!

Deixe uma resposta